sábado, 21 de julho de 2012

Colorindo o calendário.

23 Comentários
Todos os dias de sábado deveriam iniciar com o sol mansinho visitando nossa janela. O descortinar ajudado pela brisa, a preguiça indo embora devagar. O acordar aos sábados deveria conter aroma de baunilha, cheiro de bolo quentinho, de flor recém nascida. 
Fica decretado que está terminantemente proibido acordar aos sábados com o despertar histérico do relógio ou da música ruim do vizinho. Deixemos as obrigações e chatices para as segundas-feira tediosas. O frenesi para as sextas. A preguiça para os domingos. 
 Sábado é pra ser gasto, usado e abusado naturalmente. Com música e livro bom. Consigo ou com companhia. Deve ser colorido, esperado, bonito. Deve refletir arco-íris e plantar ideias novas na mente e nos corações.
 Sábado nublado não deveria existir. O céu carregado pode ficar para as terças? Sábado tem de ser alegre.Ser rua cheia de bicicletas, sorvete lambuzando o rosto, pôr do sol visto de cima de uma pedra alta. Ser fotografia, algodão-doce, pipoca na praça e bolinhas de sabão. 
Também por isso, deveria ser proibido chover aos sábados. Exceto para que as crianças brincassem  nas poças d'água, para os banhos de chuva enfeitados de sorrisos e braços abertos ou para beijos de cinema que ignoram o cenário.  
Sábado com frio somente seria permitido para abraços demorados e aconchego. Para vinho tinto, chocolate quente e edredom sem solidão. 
Tudo bem. Não vamos ignorar que os problemas não dão intervalo, que as injustiças não respeitam o calendário, que os contratempos não dão aviso prévio. Mas vamos torcer para que dias cinzas aconteçam de segunda à quinta, pode ser? E todos os pormenores, pesos e pressões. Aos sábados, não.  
Todos os sábados deveriam começar com um sorriso ingênuo. Desses com o poder bonito de inspirar as horas, romper com a tristeza e fazer - sem brecha pra inconveniência dos percalços - um final de semana, no mínimo, feliz. Com direito à fim de tarde com gosto de alecrim, prosa de amigo e paparicos de avó. 
Sábados com música e poesia pra prender a vida num cenário bonito sem abobar nossa capacidade de enxergar dias feios e poder transformá-los. Sem nos tirar a vontade de realizar e brigar pelos nossos sonhos. 
Um dia. Um só dia ao menos pra abstrair da rotina que nos ronda, blindar nossa força e calibrar nossa coragem de ser feliz em todos os outros. Comecemos por hoje?

23 comentários:

  1. que texto lindo ♥
    Adorei o post
    Bjss
    http://laialisafa.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Adorei o texto!!!
    Ótimo final de sábado com boa energia e coração aquecido para você!
    Beijo,
    Claudia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Claudia! Que bom que gostou. Não consegui acessar seu blog para retribuir a visita e a leitura mas te agradeço aqui! bjs e venha sempre!

      Excluir
  3. Amei o texto otimo sabado querida,bjs ♥♥

    ResponderExcluir
  4. Amei o texto otimo sabado querida,bjs ♥♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Querida Tineka, adorei receber sua visitinha aqui tb! Tentei retribuir mas não consegui acesso ao seu blog.
      De qualquer forma, quero agradecer! Um beijo!

      Excluir
  5. Texto lindo! Quero sábados assim!

    ResponderExcluir
  6. Yohana, concordo com você. Todos os sábados deveriam começar assim e terminar com um abraço apertado num fim do dia. E, mesmo que os sábados não sejam tão perfeitos assim, nós venhamos nos alegrar por mais um dia de vida. Nos alegrar por ter o sábado, nos alegrar por ter ar para respirar. Seu texto foi leve e me arrancou sorrisos lindos. Suas palavras tem esse poder, tem o poder de mudar o preto e branco para o colorido. Amei!

    Ah, já ia esquecendo... Venho convidá-la a conhecer o "Contarolando". É um blog apenas de contos e formado por 4 blogueiros. Espero sua presença lá, viu? Seu recado é importante para nós.(http://migre.me/9Zw9z)

    ResponderExcluir
  7. A leveza das suas palavras nos leva a colorir os dias da maneira que quisermos... Uma delícia de palavras desenhadas aqui.

    Então hoje, segunda-feira, é dia de sonhar sem pensar em relógios e trabalhos...

    Beijos minha flor

    ResponderExcluir
  8. Que assim seja Yohana!
    Depende muito de nós também né, nos deixar levar por toda a brisa que envolve o acordar do ´sabado, espreguiçaaando calmos e alegres!
    Pra assim, quem sabe, todos os outros dias da semana não sejam melhores!
    beijoca!

    ResponderExcluir
  9. Bem verdade lindona. Que bom ver que tu não perdeu teu jeitinho poético de escrever. Sábado é dia de descanso, de ficar com namorado, de acordar do lado do amor, de se despedir da rotina por um dia e fazer algo diferente. Já que é o dia em que vamos descansar, deveria ser lei que fosse um dia tranquilo, sem estresse, sem conflitos.
    Assino embaixo. Beijão

    ResponderExcluir
  10. Que blog FOFO! <3 Seus textos são lindos! Amei, amei.

    ResponderExcluir
  11. ÓTIMO!
    Quer calendário melhor que esse?
    Que tenhamos a serenidade para fazer com que os nossos dias sejam mesmo assim, todinhos eles.

    Beijo doce!

    ResponderExcluir
  12. Você escreve super bem, viu?! Adorei seu blog e já sou uma nova seguidora, viu?! Fique com Deus e sucesso pra você, parabéns pelo blog, passarei aqui sempre que possível.

    Passe no meu blog e deixe também sua marca: http://anestesiandoamente.blogspot.com.br/

    beijos!

    ResponderExcluir
  13. Que bonito esse texto...
    Beijo.
    Fernanda.

    ResponderExcluir
  14. Fiquei completamente encantada ao ler esse texto!
    Sim, são 2:00 da manhã! hehehe
    Concordo com o que você disse, com as suas belas palavras... :)
    Os sábados deveriam ser mágicos mesmo *-* hehe :D

    Tenha uma ótima semana!

    Beijos,
    Marcella
    http://diario-de-marcella.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Nossa, quanta saudades de transbordar de energias positivas aqui no blog, é como recarregar as baterias.. Muito lindo cada texto postado por aqui, saudades moça, se cuida! =**

    ResponderExcluir
  16. O sábado deveria ser leve.. Adorei o texto.

    ResponderExcluir
  17. Assino em baixo!

    P.S.: tinha muito tempo q eu nao vinha aqui, quase me esqueci de como seus textos são lindos! :)

    ResponderExcluir
  18. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir